10 dicas para uma gravidez saudável

gravida

Um ótimo momento para começar a se cuidar melhor é na gravidez, tanto em termos físicos como emocionais. Hábitos saudáveis aumentarão as chances de uma gestação tranquila e uma saúde saudável para seu bebê. A seguir 10 dicas para uma gravidez saudável.

1- Comece o pré-natal o quanto antes
O pré-natal é essencial para a saúde do bebê. Você irá acompanhar a saúde, o crescimento e desenvolvimento do feto, além de saber se é do sexo feminino ou masculino, se podem ser gêmeos ou quem sabe trigêmeos e ter a emoção de escutar o coraçãozinho batendo.

2- Alimentação
Uma boa alimentação também é muito importante, ela deve ser equilibrada e saudável. Não é porque você está grávida que deve comer mais. Possíveis enjoos são comuns, mantenha uma dieta rica em verduras, legumes e frutas, carboidratos (integrais de preferência), proteína (peixe, carne, frango, ovo, castanha ou sementes), além de leite e seus derivados em geral.

3- Tome cuidado com o que come
Queijos como o brie, o camembert, o roquefort e o gorgonzola podem transmitir a listeriose, doença que provoca aborto espontâneo ou problemas graves no recém-nascido.
Devido ao risco de toxoplasmose, que embora seja pequeno existe, evite comer carne crua ou malpassada. Lave bem verduras, legumes e frutas para tirar toda a terra ou sujeira e lave bem as mãos antes de comer.

4- Suplementos de ácido fólico
O ácido fólico é considerado vital na gravidez, pois ajuda a prevenir problemas congênitos no bebe ligados ao fechamento do tubo neural, como a espinha bífida. Mulheres que pensam em engravidar devem tomar diariamente pelo menos 400mg de suplemento de ácido fólico. Seu médico irá aconselhar se será necessário fazer uso de outros suplementos e vitaminas.

5- Atividade física regularmente
A pratica de atividade física vai te ajudar a ter força e resistência necessária para carregar o peso extra da gravidez, além de fazer aguentar o estresse físico do parto.
Vai ajudar você a entrar em forma mais rápido após o nascimento do bebê. Se você já é acostumada a fazer exercícios, é provável que você possa continuar com a mesma atividade. Atividades mais amenas são recomendadas para mulheres que não praticam nenhuma, pode ser caminhadas, natação, hidroginástica e ioga.

6- Comece a exercitar os músculos da região da vagina
Pode ser que você nunca tenha ouvido falar disso, mas esse tipo de exercício, nos músculos da região pélvica, devia ser feito por todas as mulheres desde a adolescência.Além de combater o problema da incontinência urinária, ele contribui para aumentar o prazer sexual — por isso é usado nas técnicas de pompoarismo.A vantagem é que você pode fazê-lo a qualquer hora, em qualquer lugar, sem ninguém perceber, várias vezes por dia — por exemplo, enquanto lava as mãos, escova os dentes ou prepara o café –, faça dez contrações lentas e dez rápidas dos músculos do assoalho pélvico.Um bom jeito de sentir como fazer essas contrações é imaginar que está fazendo xixi e interromper o fluxo imaginário de urina.

7- Não faça uso de remédios sem falar com o medico
Durante a gravidez não tome remédios antes de perguntar para seu médico. Se você já fazia uso de algum medicamento antes da gravidez, logo na primeira consulta de pré-natal você já deve relatar problemas de saúde que tem, remédios que toma e dores que costuma sentir. O medico irá auxiliar com quais medicamentos você deve continuar e quais devem parar.

8- Reduza a cafeína
Reduzir o café, o chá e os refrigerantes a base de cola são estimulantes. Pesquisas mostram que o excesso de cafeína pode contribuir para que o bebê nasça abaixo do peso, ou até traga riscos para a gravidez.
O máximo aceitável por dia é de três cafezinhos, mas se você conseguir reduzir é mais aconselhável.

9- Pare de fumar e de beber
Mulheres fumantes têm maior risco de aborto espontâneo, de parto prematuro e de ter um bebê de baixo peso. Se você não conseguir parar de fumar, tente reduzir o número de cigarros que você fuma por dia, isso já irá ajudar um pouco.
O álcool chega rapidamente ao bebê pela placenta e a grande ingestão de álcool durante a gravidez está ligada a doenças da síndrome alcoólica fetal, que inclui desde dificuldades de aprendizagem até problemas congênitos graves. Evite o consumo de álcool.

10- Descanço
O cansaço e o sono que você sente no primeiro e no terceiro trimestre da gravidez não são nada mais que seu corpo pedindo para você pegar leve.No melhor dos mundos, uma soneca todo dia depois do almoço seria perfeita. Se não dá, tente dar uma relaxadinha de meia hora, pôr os pés para cima, do jeito que conseguir.Não estranhe se começar a preferir ficar em casa em vez de sair à noite. Escute seu corpo.Técnicas de relaxamento como ioga, alongamentos e massagem ajudam a reduzir o estresse e colaboram para você dormir bem.

 

Aryã Vassura

Por BabyCenter Brasil

Visitem nosso site e veja a linha de produtos infantis http://www.entregademedicamentos.com.br/

 

Esta entrada foi publicada em Dicas de beleza e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


9 × = nove

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>