Viagra destinado a teste em mulheres gravidas é retirado do comercio farmacêutico mundial

viagara para grávidasNesse artigo você descobrirá a respeito do viagra que foi destinado para gestantes, e o porque que foi retido do comercio farmacêutico em todo o mundo.

O teste deste viagra especial na Holanda teve de ser interrompido ainda no começo em meio a uma série de mortes trágicas. Um estudo que tinha como objetivo poder estudar se o sildenafil, também conhecido como Viagra, teria chance de impedir que as crianças nascessem com baixo peso. Foram cerca de 100 mulheres grávidas receberam o medicamento durante sua gravidez no teste, e os 11 bebês morreram mais tarde. Todas essas mortes são especialmente bem assustadoras porque o remédio aparentemente já foi dado a mulheres grávidas anteriormente ao redor do mundo.
O sildenafil afeta o corpo ao dilatar nossos vasos sanguíneos, que vem facilitando o fluxo de sangue para onde é necessário. E esse atributo fez dessa droga um tratamento bem-sucedido para disfunção erétil que muito ataca homens, mas alguns médicos começaram a especular que essa mesma droga ainda teria chances de também ajudar mães com placentas que não fornecem sangue e nutrientes adequadamente para os fetos em desenvolvimento. A condição por mais que pareça incurável, ainda conhecida como restrição de crescimento intrauterino, leva a um crescimento atrofiado de fetos, que é normalmente visto com cerca de 20 semanas de gravidez, por meio de um ultrassom. Todos benefícios do “viagra maternal” haviam sido anteriormente testados em animais com estruturas próximas dos humanos.
Segundo a mídia internacional, o teste começou em 2015 e estava inicialmente programado para prosseguir até o ano de 2020. Esperava-se que cerca de 350 mulheres fossem recrutadas, de dez hospitais na Holanda, com metade delas recebendo o “viagra materno” e a outra metade recebendo um placebo para auxiliar nos testes. Na semana passada, quando esse mesmo teste foi encerrado por um comitê independente, dos testes 183 mulheres haviam participado, com 93 delas obtendo recebido o sildenafil.
Conforme a conclusão dos médicos, a droga pode ter causado pressão sanguínea alta em alguns bebês em formação, o que pode ter restringido muito fluxo de sangue e também o oxigênio para seus pulmões. O comitê independente que então revisava o teste não mais encontrou sinais de prevaricação ou ações indevidas ainda por parte dos pesquisadores do teste.

Jonathan Silva

Esta entrada foi publicada em cabelo, como cuidar de recém-nascidos, cosmeticos, derme, descanço, Dicas de beleza, Dicas de Emagrecimento, olhos, ossos, perfume, Saúde, saúde da derme, saúde das crianças, saúde do bebê, saúde infantil, saúde mental, sexo, shampoo, sono, testa, visão, vista e marcada com a tag , , , , , , , . Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


7 − = cinco

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>